sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

TROCANDO EM VERSOS: OPRESSÃO



Vejo o jornal na televisão
O que eu vejo
Miséria, desemprego, corrupção
Os donos do país estão de bem a melhor
Os escravos do país estão de mal a pior
Ninguém tem piedade
Ninguém tem dó

A opressão mata
Opressores dominadores, inimigos da nação
A opressão mata
Ta na hora de mostrar que eu sou um cidadão

To furioso, puto da vida
Chega de falcatrua, chega de mentira
Eu vou me armar, vou formar uma guerrilha
Sei que vou morrer, mas não ligo não
Pelo menos fiz minha parte pela nação
Pode escrever o que agora te digo
Quando eu morrer eu vou ser um mito

A opressão mata
Opressores dominadores, inimigos da nação
A opressão mata
Ta na hora de mostrar que eu sou um cidadão

Tudo que eu queria era votar, era ser gente
Agora que eu posso só elejo delinquente
Faço do voto papel higiênico
E da urna um penico
Se o Brasil continuar essa zona
Vão voltar os milicos

A opressão mata
Opressores dominadores, inimigos da nação
A opressão mata
Ta na hora de mostrar que eu sou um cidadão 

TROCANDO EM VERSOS ANTERIOR:

HEAL THE WORLD

Nenhum comentário:

Postar um comentário