terça-feira, 1 de novembro de 2016

1985, O ANO QUE VOLTOU


O canal Viva trouxe de volta semana passada a novela "A gata comeu", grande sucesso, principalmente entre a garotada dos anos 80. A novela foi passada originalmente em 1985.

Costumo dizer que 1989 foi o ano que não terminou, mas os anos 80 todo foram importantes em vários aspectos e considero 1985 um dos anos mais importantes desse período.

Vamos então pegar o De Lorean e voltar no tempo, para 1985. Aí está o primeiro aspecto importante. O De Lorean é o carro em que Michael J.Fox voltava no tempo, para 1955 no filme "De Volta para o futuro", lançado em 1985. Filme que influenciou toda uma geração.

O ano de 1985 já começou quente no Brasil com o fim da ditadura militar. Em 15 de janeiro foi realizada a eleição indireta onde Tancredo Neves venceu Paulo Maluf e se tornou o primeiro presidente civil brasileiro em 21 anos. É inesquecível a cena de várias pessoas na chuva em Brasília se protegendo embaixo da bandeira do Brasil. Assim como é inesquecível a via crucis passada por Tancredo a partir de 15 de março, justo no dia da posse, quando foi internado.

Tancredo morreu em 21 de abril de 1985, mesmo dia de Tiradentes, causando uma grande comoção nacional. Lembro exatamente de onde estava sentado e todo o pronunciamento anunciando sua morte. José Sarney foi efetivado presidente e o resto já sabemos.

E começou quente mesmo no Brasil porque em janeiro tivemos o primeiro Rock in Rio, o "Woodstock brasileiro". Roberto Medina num projeto megalômano decidiu que durante alguns dias os maiores artistas do mundo se apresentariam na Barra da Tijuca, em algo totalmente inédito em nosso país, e conseguiu. Tivemos grandes artistas como Queen, James Taylor e a explosão definitiva do rock nacional como em show do Paralamas do Sucesso e do Barão Vermelho comandado por Cazuza justo no dia da eleição indireta desejando um país novo.


Em 1985 Menudos eram a banda que mexia com os corações das meninas e Michael Jackson era o ídolo dos meninos. Nesse mesmo ano Michael e Lionel Ritchie se juntaram a outros grandes artistas e criaram a canção "We are the world" para tentar ajudar a África. No mesmo ano ocorreu o mega show "Live Aid" em Londres com o mesmo intuito.

Foi o ano da moda "New age". Ano de "Os Goonies" no cinema,toda uma geração de atores surgiam em filmes como "A garota de rosa shocking e o fantástico "Clube dos cinco". Ano de uma furacão chamado Madonna. Ano efervescente na cultura pop. Ano do Atari e da explosão dos computadores caseiros. 


Mas nada supera esse clipe fantástico...


Foi o ano da primeira vitória de Ayrton Senna na F1, a volta de Zico ao Flamengo com o mesmo tendo a perna quebrada por Marcio Nunes em um jogo contra o Bangu. O Brasil se classificou fácil para a copa do mundo e o Bangu sonhou. Numa das finais mais loucas de brasileiro até hoje decidiu contra o Coritiba no Maracanã e perdeu nos pênaltis. Continuou forte e disputou a final do estadual com o Fluminense. O tricolor no fim foi tricampeão e o Bangu chora até hoje um pênalti não dado em Claudio Adão no último lance da partida.

Mas o ano não foi todo ruim para Castor de Andrade, presidente do Bangu. Ele também era patrono da Mocidade Independente de Padre Miguel e foi campeão do carnaval com "Ziriguidum 2001", um dos grandes sambas e desfiles da nossa história "Quero ser a pioneira / A erguer minha bandeira e plantar minha raiz". Caprichosos também fez um grande carnaval com seu "E por falar em saudade". "Tem bumbum de fora pra xuxú / Qualquer dia é todo mundo nu".

O mundo vivia tempos de esperança e solidariedade apesar do pavor da AIDS que levava grandes nomes que não assumiam o que tinham e chamavam suas doenças de "Forte pneumonia" devido o preconceito. Preconceito, intolerância, homofobia..Ainda bem que hoje em dia não temos mais isso e não elegemos Bispos de igrejas intolerantes a prefeitura. Por sinal em 1985 o Rio elegeu Saturnino Braga prefeito, o cara que faliu a prefeitura, São Paulo deu uma "Zoada épica" em Fernando Henrique Cardoso. O mesmo sentou na cadeira da prefeitura antes da eleição e acabou perdendo para Jânio Quadros que passou a "vassourinha" em sua pretensões.  


E além de "A gata comeu" tivemos "Roque Santeiro" parando o país. Enfim, um grande ano.

O meu ano? Eu tinha de oito para nove anos. Meu negócio era ouvir Balão Mágico e suspirar pela Simony. Mas tinha outros amores platônicos. Na escola, cursando a terceira série, gostava de duas meninas Alessandra e Iani, na minha rua da Verena. No meu aniversário de nove anos vi a Verena beijar um dos meus melhores amigos ao som dos Menudos. Odeio Menudos...

Mas em 1985 também brincava com meus amigos, fizemos um clubinho como o da novela "A gata comeu" e mais importante. Surgiu a série "Armação Ilimitada". Juba, Lula, Zelda, Bacana e cia tornaram-se referência para mim a ponto de no ano seguinte começar a escrever revistinhas em quadrinho do grupo. Foram as primeiras coisas que escrevi.


Muitas coisas ocorreram em 1985..Tantas lembranças..Melhor trazer o De Lorean de volta a 2016. Ao atraso que vivemos em 2016. Curioso pensar que o mundo era mais feliz e principalmente moderno 31 anos atrás.


Em 2016 estamos de volta para o passado.

   

Nenhum comentário:

Postar um comentário